Minhas Folhas de Relva

percepções do cotidiano em letras livres

Só. Seu 03/10/2012

Filed under: Divã,Textos meus — Aline Moraes @ 12:15 AM

Será / que eu vou ter medo do escuro / e de barulhos estranhos / ou do silêncio de estar ? //

Vou lá / abrir a porta pra’quele par de um habitar / falar sozinha para não deixar entrar / esse silêncio de estar . //

Não é mau / é só o barulho da vida nova / da vida que não cabia mais com os pais / e que não cabe mais em si. . //

Abra a janela / a porta da geladeira / espie no forno do fogão / sinta seu cheiro no lençol / e reconheça você ali à beça. //

seu / pra deixar o Outro entrar. //

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s