Minhas Folhas de Relva

percepções do cotidiano em letras livres

7 coisas que não podem faltar numa casa alemã 09/01/2016

Filed under: Sem categoria — Aline Moraes @ 1:33 AM

Descascador de ovo cozidoUm amigo compartilhou comigo uma lista publicada no site da Deutsche Welle (a DW) sobre 10 coisas que não podem faltar numa casa na Alemanha. Ela já começa zoando com a minha cara: Eierschalensollbruchstellenverursacher. Isso mesmo. Sabe o que é?
Um utensílio para quebrar a casca do ovo cozido. É tipo: “causador de onde se deve fazer a quebra da casca de ovo”. Devia ser apenas Eierschalenbrecheneitor Tabajara.

Mas é fato que alemães gostam de um ovo cozido no café da manhã. Ou como lanchinho. Dá uma mordida, bota sal e pimenta. Outra mordida… Wanja faz pra ele, mas descasca o ovo na raça.

Vejam aí a minha versão da lista da DW (que não inclui esse descascador de ovos, óbvio):

garrafas retornáveis

Aqui na Alemanha existem essas máquinas para retornar garrafas tipo PET e também para algumas de vidro. Geralmente, elas ficam nos supermercados. No final, você ganha um recibo com um crédito e pode usar para abater na conta final. Ou então tem garrafas que você pode retornar nos estabelecimentos. Até quando você compra uma garrafa de Coka numa lanchonete, eles podem cobrar o “Pfand” pela embalagem, que você recebe de volta ao retorná-la. O problema é que a gente vai acumulando garrafas em casa até ter coragem de ir onde tem essa máquina ou o que você vai ver na foto a seguir…

Lixeiras para vidro

…as lixeiras para vidro. Sim, na Alemanha existem essas superlixeiras públicas, específicas para vidro branco, verde e marrom. Eles reciclam mesmo as coisas por aqui. No prédio tem várias lixeiras de cores diferentes, que eu ainda não entendi para quê servem direito…😛

Wischmopp

A lista da DW fala que os alemães têm um produto de limpeza pra cada coisa. Mas eu vou fazer uma reclamação: eles não têm o bom e velho VEJA, aquele multiuso maravilhoso que você usa na cozinha, no banheiro e que cheira super bem. Por aqui, os produtos são tão específicos que falta simplesmente o básico… Mas se tem uma coisa que é maravilhosa na hora de limpar a casa é o rodo de passar pano. Gente, como não temos isso no Brasil??? É como esse aí da foto. Você encaixa o pano de limpeza nele e vai que vai…! Ele alcança todos os cantinhos, porque o cabo do rodo se movimenta. Simples e ABSOLUTO!

pastas

O velho clichê de que alemão é organizado… Se é verdade que, por lei, todos os documentos importantes devem ser guardados por dez anos, eles têm que ser metódicos mesmo. Agora, se todo mundo é assim, eu não sei. Mas é fato que o Wanja tinha todos os documentos importantes dele numa pasta dessas e que eu mesma tenho 3 delas em casa. Sou meio alemã hehe

drehkippfenster

Depois do(der) Wischmopp, o rodo absoluto, essa é a coisa que mais me surpreendeu positivamente numa casa alemã: as janelas podem ser abertas como basculante, só na parte de cima, pra entrar só um tiquinho de ar fresco. Você gira a “maçaneta” pra cima e puxa. Ou deixa no meio e abre a janela toda. Ou gira pra baixo com a janela fechada e ela é trancada. Drehkippfenster é um bagulho sensacional, e ainda tem esses vidros enormes, pra deixar a casa mais iluminada e com bastante vista❤

persiana

As janelas aqui não tem uma folha de madeira ou de alumínio para serem totalmente fechadas. É apenas vidro. Daí, pra garantir a privacidade, algumas muitas (sobretudo as que dão para a rua) têm essas persianas pelo lado de fora. Se você der sorte, elas são automáticas. Porque pra subir isso na mão num é tão de buenas assim. Essas persianas são pesadas e emperram que é uma beleza em casas mais antigas…

dois edredons

Agora, essa foi uma coisa que me deixou puta por ter que comprar dois edredons e duas capas e gastar muito mais dinheiro.  –😛 Aqui, é comum que cada um tenha o seu, mesmo sendo um casal. Além de sair mais caro, eu simplesmente não consigo arrumar a cama direitinho com dois edredons. Eles não cobrem o colchão todo, é bizarro. Fora que os travesseiros aqui são 80 x 80 cm. Pra quê tudo isso???? Sem falar nos colchões, que não costumam ser Box, acho horrível… Já deu pra perceber que tenho saudades da cama que eu tinha no Brasil, né? hehe

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s